Dicas para Ajudar a Potencializar a Cognição de uma Criança

Os filhos aprendem na prática, o real significado do respeito, quando os pais estão presentes, especialmente durante seu aprendizado preliminar.

Pais e responsáveis que estão encarregados de cuidar de suas crianças são pessoas que, na maioria das vezes, se consideram muito ocupadas. Estão sempre saturadas de responsabilidades: emprego fora de casa, tarefas, casa para cuidar, etc. Aqui algumas sugestões que poderão ajudar a resolver essa questão.

São Pequenas tarefas, gestos, posturas e dicas, de grande valor cognitivo. A maioria destas atividades, sem custo algum, são tão naturais e simples que poderão ser realizadas sem alterar o ritmo de sua “atribulada” rotina diária.

  • Escute-as e dê mais atenção aos seus problemas ou probleminhas. Descubra os traços fortes do seu temperamento, trabalhe isso em casa antes que alguém da rua tome a iniciativa e deforme tudo.
  • Leia com elas.
  • Tenha sempre livros e outros materiais de leitura espalhados pela casa.
  • Conte-lhes histórias da família, pessoais e dos ancestrais.
  • Ajude-as a encontrar “aquelas palavras difíceis” no dicionário.
  • Leve-as à Biblioteca para que tenham seu próprio cartão de acesso aos livros e se familiarizem a pegar e tocar em livros.
  • Leve-as aos Museus e Lugares Históricos da cidade, sempre que possível.
  • Discuta as novidades do dia, ou aquilo que achar que é mais interessante, do ponto de vista da boa convivência, padrão ético, cidadania, responsabilidade social e evolução consciencial.
  • Compartilhe com elas as boas novidades que tornaram seu dia mais agradável.
  • Compartilhe as soluções criativas que usou para resolver problemas que pareciam insolúveis.
  • Explore as coisas junto com elas e aprenda sobre plantas, animais, história e geografia, etc.
  • Faça sempre uma revisão nas suas tarefas de casa e demonstre interesse pelo que fazem.
  • Dê um jeito de criar para cada uma delas pequenos desafios que se reverterão em benefícios cognitivos importantes.
  • Saiba quem são seus amigos e o que estão fazendo ou aprendendo quando estão fora de casa.
  • Desenvolva o hábito pessoal de incluir as necessidades delas em sua lista de pendências, buscando sempre soluções criativas que exijam a ativa participação das próprias crianças na resolução desses problemas.